LDC

Nossas raízes

A história do café: como cabras descobriram o grão de café

11.07.2018

Reza a lenda que os primeiros frutos de café foram descobertos por um rebanho etíope em torno de 800 d.C. O pastor notou que seus animais começavam a pular alegremente toda vez que mastigavam as frutinhas vermelhas cereja. Ele mesmo decidiu experimentá-las e, para sua surpresa, se sentiu energizado quase imediatamente. E foi assim que o grão de café iniciou sua jornada única.

A popularidade do café começou a aumentar na Península Arábica e no Império Otomano, primeiro como um petisco em forma arredondada, rico em energia (mesclado a gordura) e, mais tarde, como vinho. O nome café deriva da palavra “qahwah”, termo iemenita que significa vinho.

690x388.jpg

Os caroços da fruta parecida com cereja conquistaram seu lugar na sociedade europeia em 1615, quando mercadores venezianos os levaram de Istambul para casa. Trinta anos depois, as primeiras casas de café foram abertas na Itália e se espalharam pelocontinente. Atualmente, existem aproximadamente 25 milhões de agricultores em mais de 50 países envolvidos no processamento ou produção de café. É uma das commodities agrícolas mais comercializadas no mundo. Em média, uma pessoa bebe cerca de 1,6 xícara por dia, e a Finlândia tem o maior consumo per capita do mundo: 12 kg por ano, o equivalente a 3,4 xícaras por dia.

Há mais de dez anos, a Louis Dreyfus Company (LDC) desempenha um papel importante em garantir que as xícaras do mundo tenham café rastreável e sustentável. Trabalhamos com programas de certificação e verificação, como o 4C, o CAFE Practices, o Rainforest Alliance, certificado pela UTZ, o Fairtrade e o Organic, para originar e responder à crescente demanda dos clientes por café cultivado e comercializado de forma ética e sustentável.

Para saber mais, acesse aqui a seção de Café de nosso website.


© 2018 Louis Dreyfus Company

Cookies

Nós utilizamos cookies para lembrar suas preferências e fornecer a melhor experiência em nosso site. Por favor, clique no botão para aprovar o uso de cookies. Saiba mais lendo a nossa política de privacidade.