LDC

No campo

Impulsionando a resiliência dos agricultores para as mudanças climáticas na Etiópia e Uganda

12.10.2019

Com 2.658 agricultores envolvidos e 195.000 árvores plantadas, nosso projeto agroflorestal com a Louis Dreyfus Foundation e o PUR Projet, na Etiópia, vai de vento em popa.

Tanto que o projeto foi estendido para a Uganda em 2018 e continuará nos dois países nos próximos três anos.

blog-agroforest-pg02.jpg

Desde 2014, a regeneração dos ecossistemas cafeeiros por meio da agrossilvicultura no Estado Etíope das Nações, Nacionalidades e Povos do Sul tem sido a missão compartilhada entre a Louis Dreyfus Company (LDC), a Louis Dreyfus Foundation e o PUR Projet, um negócio social que trabalha com empresas para regenerar ecossistemas dos quais elas dependem.

Com o objetivo de aumentar a resiliência dos cafeicultores com relação às mudanças climáticas, o programa foi desenvolvido em colaboração com agricultores e comunidades locais, que foram treinados em sistemas agroflorestais que visam regenerar os solos e o abastecimento de água subterrânea, evitar secas e, por fim, melhorar os meios de subsistência na região, onde o café representa de 90 a 100% da renda familiar.

Um dos métodos comprovados implica no plantio de árvores dentro e ao redor dos campos de café para proteger as lavouras graças à sombra que elas proporcionam, o que reduz o impacto das mudanças nos padrões climáticos. Com a assistência de especialistas técnicos, os agricultores rapidamente se apropriaram do programa: escolheram e plantaram árvores nativas, cuidaram e monitoraram, e replantaram sistematicamente as que morreram. Graças à agrossilvicultura, eles foram capazes de gerar renda adicional com as culturas e melhorar a qualidade do café, preservando os ecossistemas regionais.

O projeto também forneceu fogões aprimorados que não dependem da queima de biomassa para cozinhar diariamente, reduzindo assim as emissões e fornecendo energia limpa e acessível.

blog-agroforest-pg01.jpg

Com base no sucesso na Etiópia, o projeto foi estendido à Uganda em 2018 com iniciativas adicionais de jardinagem de autossuficiência e um novo tipo de treinamento para agricultores chamado Theatre Forum, que reproduz cenários agrícolas reais e envolve ativamente os agricultores por meio de exercícios de atuação.

“Programas como este multiplicam resultados positivos relacionados ao solo, água, biodiversidade, receita dos agricultores e qualidade do café. O capital social obtido permite que as famílias evitem a insegurança alimentar durante as estações mais difíceis, o que mantém a comunidade saudável. Esperamos que o projeto beneficie mais de 10.000 pessoas e tenha 565.000 árvores plantadas até 2021 nos dois países juntos,” disse Rozenn Kerviel, Gerente Global de Sustentabilidade do Café da LDC.

blog-agroforest-icon-PT.png

© 2020 Louis Dreyfus Company